sábado, 21 de março de 2009

Em estado e choque!!!


Ontem atropelei um gato... Fiquei em estado de choque mas não tive tempo de travar o carro... O bichinho apareceu do nada. Não tive coragem de olhar no espelho retrovisor para ver como tinha ficado e só pedi que no regresso do caminho não encontrasse ali o animal... :(

5 comentários:

BalDocas disse...

Só tu para me fazeres rir, deixa lá era só um gato (animais que eu detesto), pois bem amiga, não és a única. Eu a 06-07-2000 atropelei o home da Sagres ... levava 2 grades de médias ao ombro, também apareceu do nada, em vez de travar, vi que tinha 3 pedais e 2 pés, faltou-me ali alguma coisa, simplesmente "arrumei" os pés e levei as mãos á cabeça, a carrinha foi-se abaixo deu um solavanco e bateu na barriga da perna do homem ... nada grave, fez um golpe na mão ... e muita cerveja Sagres desperdiçada ... hoje rio-me ... mas na altura chorei feita maluca.
Mas mesmo assim continuo a ADORAR CVONDUZIR. Por isso continua, e não fiques com medo.
Beijocas e boa semana.

betinha disse...

Deixa lá, são coisas que acontecem. O césar diz sempre que eu é que faço mal, porque evitar atropelar animais quase saio da estrada ou entro na outra via e quase provoco acidentes...

Anne disse...

Sei bem como se sentiu, há uns dez anos eu atropelei um pombo já moribundo...

Karochinha disse...

Liliane, não vou dizer deixa lá porque eu adoro Gatos (coitadinho) e também porque já me aconteceu, também por acaso quando tinha a carta de condução há pouco tempo. Mesmo que seja difícil e é, este pequeno acidente mostrou-te que a atenção e o cuidado são fundamentais e que parece que sabemos andar na estrada quando na verdade só sabemos conduzir o carro!Se servir para te sentires melhor, só me aconteceu uma única vez, das outras, fui direita às bermas, o que valeu algumas amolgadelas, eh eh!!!

Beijocas

alexandro silva disse...

meu sonho é ser passado em cima por deusas lindas como vcs ....eu trocaria de lugar com qualquer desses animais ate pro que gosto de animais e sao lindas morreria feliz atropelado por voces