segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Crise... ou talvez não!!!

Ando assim um pouco, mas só um pouco com mau feitio!! [ando, não quer dizer que tenha...]
A razão: um pouco de tudo e nada também!!!

Mas em termos de crise, não se houve falar noutra coisa.... Crise disto... crise daquilo... e os preços vão subir... e os combustíveis isto e aquilo... Uma coisa por demais!!!! Até irrita!!!

Mas ainda fico mais "irritada" (não sei se este é o termo correcto e adequado) quando olho a minha volta e há jantares de tudo... É de turmas antigas, é de curso, é de Halloween é de sei lá mais o que...
 Então e a crise fugiu??? 
Ah!! Pois precisamos de comer de qualquer forma não é???

Calhando é só mesmo a mim que faz impressão esta coisa toda!!!!  Ou isso o o meu mau feitio mesmo!!!! 


Ainda a propósito da crise, hoje de manhã, logo pela fresquinha fui ao supermercado comprar o pão nosso de cada dia (traduzindo, o essencial). Eram 9h e hoje, especialmente hoje estava cheio, com direito a filas na caixa e tudo!!! Fantástico!!!!
Ainda questionei a funcionaria o porquê de tanta agitação, uma vez que costumo lá ir a esta hora e não está ninguém... Será da hora ter mudado??? 
A funcionaria disse que deveria ser por causa do dia do Bolinho, ou seja, amanhã ser feriado!!!!
Hum... Vamos lá ver se entendi... É feriado amanhã, logo gasta-se mais hoje??? 


E é assim a nossa crise!!! Perdão!!! A crise deles... A minha sei bem como é...

domingo, 30 de outubro de 2011

Seremos livres???

Será que somos totalmente livres de optarmos sobre a nossa vida???
Após ver a Grande Reportagem da Sic sobre a Safira, fez-me recuar no tempo 4 ou 5 anos atrás... 
Só há uma forma de tratar uma doença??? Devemos sempre aceitar sem sequer questionar todo o processo??? 
Não... Não me parece!!! Pelo menos para mim não...
Não renego os tratamentos tradicionais mas será que são a única solução???
Será assim tão mau nós, doentes, queremos procurar outras "coisas" mesmo que essas "coisas" sejam apenas outras opiniões sobre o assunto???
Lembro-me como se fosse hoje a reacção de um conjunto de medicas de um hospital quando eu disse que não ia assinar papel nenhum para me operarem até ter outras opiniões sobre o assunto!!!
A reacção foi chamaram-me ignorante, irresponsável entre outras coisas... Isto porque no protocolo para situações como a minha era a única solução...

Não... Não assinei... Não gostei do comportamento e atendimento e, pura e simplesmente não voltei mais ao hospital em questão!!!

Felizmente nem todos os médicos e hospitais são iguais e ainda bem que existem médico com outro tipo de formação.

E continuo a achar que devemos sempre procurar o que é melhor para nós, ou pelo menos o que achamos ser o melhor para nós... E nunca, nunca cruzar os braços e aceitar SEM QUESTIONAR qualquer decisão que envolva o nosso corpo.

E tudo isto me ocorreu à propósito da Grande Reportagem sobre a Safira.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Caça Palavras



(amor, beijo e malícia... seguidas de dúvida e sexo... Não sei bem o que quer dizer... mas algumas coisa deve ser!!!)


Se quiserem podem partilhar comigo os vossos resultados... Sou muito curiosa! :p

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

sábado, 15 de outubro de 2011

E tudo voltou à normalidade...

Já há algum tempo que andava a pairar sobre o mundo da blogosfera um vírus ou parasita... Sei lá!!! Uma coisa dessas que só estava a atrapalhar a leitura e a interação blogótica.
Mas hoje, ao que parece está tudo resolvido!


terça-feira, 11 de outubro de 2011

Ética e/ou sigilo profissional

Será que toda a gente sabe o que é???

Acho que não!! (infelizmente)
Mas a culpa deve ser da sociedade e de alguns "elementos" da mesma que passam a vida a falar da vida dos outros e a comentar tudo o que sabem e, principalmente o que não sabem... :(
E no final quem sofre as consequências são as pessoas que seguem e "zelam" pelo profissionalismo, sigilo e ética profissional.
Lá no fundo, bem lá no fundo, chego à conclusão que as pessoas gostam que essa "regra" seja "quebrada" para poder saberem da vida dos outros...

Isto tudo entristece-me e muito. 

 [foi apenas um pequena desabafo]

terça-feira, 4 de outubro de 2011