sábado, 6 de setembro de 2008

"O diario da nossa paixão"

Sou uma romântica incurável (dentro dos limites). Acredito no amor, no amor quase perfeito, daí este ser um dos meus livros preferidos. É um romance muito forte e emotivo de Nicholas Sparks (alias, como quase todos os seus romances).
O livro conta a história de uma daquelas paixões imortais em três períodos temporais distintos: quando os amantes se conhecem, quando se voltam a encontrar uns anos mais tarde, e quando revivem o passado a partir da terceira idade.
É uma história comovente, pelo menos para mim... Faz-nos pensar na vida, na paixão, no amor e, no quanto é importante a conquista diária. Não devemos ter algo como um dado adquirido.
A vida dá muitas voltas, as vezes dá-nos as coisas, depois tira-nos, volta a dar-nos e por vezes volta a tirar-nos...Mas existem momentos na nossa vida que, por mais pequenos que sejam, fazem com valha a pena. E nessas alturas temos q aproveitar bem, porque vida só temos uma e nem sempre as oportunidades se repetem.
Nem sempre damos o devido valor às coisas que realmente merecem ser valorizadas.
Isto não é um resumo do livro, e sim o que o livro representa(ou) para mim, é a forma como eu li o livro...
Também já vi o o filme, e apesar de bonito e comovente, não há nada melhor do que ler o livro e podermos visualizar e viver todas as sensações dele descritas à nossa maneira...
Contudo aqui deixo algumas imagens do filme...

"Por detrás de um grande amor, existe sempre uma grande história..."

3 comentários:

baldocas disse...

Como viciada em ler como sou; e também já li todos os livros dele; Não tenho palavras ...

bjokas
baldokas

Anne disse...

Vi este filme no drive-in, lindo demais! Chorei até...

Paulinho disse...

Depois de ter lido o teu resumo, fiquei com curiosidade de ver o filme, já que ler o livro dá muito trabalho … lol…. Eu sei que devia ler, não é preciso bater, aliás só meu fazia bem. Mas já agora tens o filme?