sábado, 10 de julho de 2010

Palavras sem sentido...


Quando iniciei este blogue, tinha objectivos claros e específicos para o fazer... Hoje em dia, não tenho cumprido em nada esses objectivos. Não sei se por falta de tempo ou de vontade... A verdade é que hoje já não faz grande sentido os objectivos que tinha... A vida muda... os objectivos mudam...
Continuo com muitas ideias mas na maioria dos casos acabo por não escrever sobre elas... São fases da vida... São sempre fases... Qualquer coisa que nos acontece "desculpamos" com as fases da vida...
Nos últimos anos, muitas voltas aconteceram na minha vida, uma boas, outras más, outras assim assim... Ri, chorei, aprendi, conheci, esqueci... Sei lá... Foram tantas coisas...
Mas ainda não consegui reencontrar-me. Será que alguma vez o conseguirei? Será que realmente quero?
Queria poder prever o futuro para dessa forma poder escolher as melhores opções, mas claro que isso é impossível!
Revolta-me um pouco ouvir pessoas a lamentarem-se da pouca sorte que tem, a lamentarem-se da vida no geral e, pior ainda, a tentarem comparar a sua "falta de sorte" com a "sorte" dos outros, isto porque nem tudo o que parece é... Preocupem-se com as suas próprias vidas e deixem as vidas dos outros para eles e, assim talvez consigam alguma "sorte".
Sim, já passei por maus bocados e daí? Não sou mais nem menos que ninguém... E ainda assim não me considero uma pessoa com falta de sorte... Talvez possa considerar-me um pessoa perdida dentro de mim própria. Também não espero que alguém encontre porque isso cabe-me a mim faze-lo.

Agora voltando ao blogue, já ponderei por várias vezes encerra-lo mas nunca tenho coragem para o fazer... Criar outro e deixar este, também está fora de questão porque continuo a identificar-me com ele mesmo com objectivos diferentes...

Uma coisa que aprendi é que o tempo trás e leva... Ou leva e trás...

10 comentários:

A minha essência disse...

Sem dúvida que essa tarefa só cabe a nós, por mais penoso que seja... é a nossa aprendizagem ;)

Beijocas

Liliane disse...

Essência (bruxinha),

Vivendo e aprendendo... Sempre!!!
Mas por vezes as situações poderiam vir com "manual de como agir"

;)

Beijinhos

A minha essência disse...

Não faz sentido! A essência da vida é isso mesmo! Captares os sinais!... ;)

Liliane disse...

Bruxinha,

Sinais??? Quais???
Não sabes que sou míope??? :P

P.S: Desculpa... Estas a falar a serio e eu a brincar... É que há coisas que me custam ver porque pura e simplesmente eu não quer ver!

Beijinho

Karochinha disse...

Oí Liliane,
E se nunca te reencontrares, será porque esperas voltar a ser o que eras? com todas as tuas experiências de vida tornaste-te inevitavelmente diferente, talvez para ti mesma e isso é-te estranho, também acho que és uma pessoa de muita sorte, cheia de coragem e admiro-te muito, costumo também fica indignada com o mesmo do que tu, existe muita ingratidão pela vida!
Deixa lá se o blogue não tem o mesmo objectivo, tem pelo menos um, faz-te chegar a várias pessoas, que se interessam, que gostam de te ler, de saber de ti e das tuas disposições.....aproveita para quem sabe enviares desta forma outro tipo de mensagem, rituais e conselhos!
Continua sempre, pelo menos por mim, estarei sempre cá para vir ler, adoro o teu blog mesmo que nem sempre comente!
Beijocas ;)

betinha disse...

No fundo a vida é bela, nós com as nossas preocupações e ansiedades constantes, damos cabo dela!

Carpe diem, é o meu lema que tento aproveitar ao máximo.
Aproveita também o teu!

Liliane disse...

Karochinha,

Obrigada pelo incentivo de continuar a escrever... É sempre bom saber que existem pessoas que gostam de nos "ler".
Beijinhos grandes e tudo a correr bem para a tua próxima etapa.

Betinha,

Pois é... É isso mas... elas não matam mas moem...

Beijinhos.

BS of Life disse...

Não podemos parar na vida... Porque ela não pára para esperar por nós.

Um abraço.

Paulinho disse...

Oh minha doida, se actualmente tens outros objectivos em mente para o teu blog! Mas podes ir aplicando estas novas ideias e objectivos neste mesmo blog ao longo do tempo e as pessoas que ti acompanham e que gostam ler as tua palavras vão-se apercebendo destas mudanças... mas faz um favor não deixe de escrever e por musica, filmes ou dicas sobre a estética, existe muita gente que gosta de “cuscar” as tuas ideias :P.
Acredita numa coisa, eu tive a sorte de conhecer-te, e aprendi muita coisa contigo, com a betinha, etc. Tu por exemplo quando eras mais doida... lol conseguias e consegues transmitir uma dinâmica e uma forma de estar na vida as pessoas que eu pessoalmente gosto ver e observar, espero que nunca venhas a perder ou a esconder estas características boas e outras más…ok? O facto de andares a tentar reencontrar com a vida, acho que isso é natural porque este sentimento é uma constante da vida. Isto acontece porque sentis a necessidade de mudar alguma coisa na tua vida de maneira que ti faça sentir melhor. Mas nas maiores partes das vezes, quando isso acontece nunca sabemos bem o que queremos, ou o que mudar. E por isso mesmo é que tomamos decisões, criamos “charneiras” de partida na busca da aventura, na busca de algo mais e são este momentos que nos marcam e que nos fazem crescer, sejam eles positivos ou negativos.

Beijos Grandes

Liliane disse...

BS,

Parar é morrer... ;)

Beijinhos


Paulinho,

Gostei da parte em que dizes quando eu era mais doida!!! Ah ah ah
Mas realmente tens razão... Ando pouco doida... Se calhar é isso que me falta!!!
Vê lá se apareces em breve por cá... Para pormos a conversa em dia.

Beijinhos doidos.
;)